• Qualis | Comunicação

Dicas de Ortografia #5 - Vírgula + E


Vamos começar uma sessão de dicas para usar a vírgula? Como são MUITAS regras, decidi dividi-las em etapas para que todo mundo consiga absorver melhor e para ser mais fácil consultar quando necessário!

Hoje vamos falar sobre a união da vírgula com a conjunção E.

Primeiro, já quero começar desmistificando aquela regrinha que aprendemos na escola quando crianças: NÃO usem a vírgula pensando apenas na ideia de uma pausa na leitura. Por mais que ela realmente funcione assim na prática, na teoria há muitas regras a serem seguidas, e é bem melhor ter a segurança de conhecê-las para utilizar esse sinal de pontuação da forma mais correta.

A vírgula é um sinal que denota ORGANIZAÇÃO.

NÃO SE DEVE USAR A VÍRGULA quando a conjunção E for empregada para enumerar.

Ex.:

Fui à festa com Carlos e Maria.

Aquela jovem tinha lindos olhos, belos cabelos e um corpo espetacular.

USA-SE VÍRGULA quando:

1- A conjunção estiver ligando duas orações extensas onde haverá a necessidade de repeti-la.

Ex:

Maria e João foram à feira comprar batatas, e no caminho encontraram-se com Paulo.

(Reparem que o E já havia sido utilizado anteriormente, portanto, a vírgula torna-se importante para organizar essa repetição)

2- Quando a conjunção E estiver separando diferentes orações, com diferentes sujeitos.

Ex.:

Camila contou-me uma história interessante, e eu me vi entretido.

(Atentem-se aos dois sujeitos diferentes: CAMILA e EU.)

Nós saímos na sexta, e Juliana voltou para casa sozinha.

Paulo gosta de pão, Ana, de bolo.

Apesar de ser um pouco tímida, Maria gosta muito de falar, e nós gostamos de ouvi-la.

3- Quando o E iniciar uma expressão intercalada.

Ex.:

Comprei um livro novo, e até já comecei a lê-lo, porque me sentia entediado.

4- A conjunção E também é utilizada quando houver uma repetição enfática dela mesma, em uma figura de linguagem que é chamada de POLISSÍNDETO.

Ex.:

Ana chegou em casa muito triste e chorou, e revoltou-se, e gritou, e esperneou, até dormir, exausta.

Por hoje é só, amiguinhos!

Caso fique qualquer dúvida, os comentários estão abertos para discussões. Lembrando que esta coluna é totalmente informal, voltada apenas para auxiliar com dicas e regrinhas.

BIA CARVALHO tem 31 anos, é carioca e autora da Trilogia das Cartas, cujos direitos foram adquiridos para publicação na Argentina, pela Ed. DeCiutiis, e do BestSeller da Amazon, Horas Noturnas. Em 2016, seu conto Ao Anoitecer foi publicado na antologia O Livro Delas, pela Editora Rocco, oriunda do projeto LitGirls Br.


MÉTODO DE ENVIO:           INSTITUCIONAL:               EXTRAS                              FALE CONOSCO                   SIGA-NOS:

 

                                                  Home                             Vale presente            Contatos

                                         Publique                         Minha conta             Devoluções

                                         Autores                                                            Entrega e Trocas

                                         Loja                                                               

© 2008 - 2019 by Qualis Editora e Comércio de Livros Ltda - Todos os direitos reservados. 
CNPJ: 09.644.361/0001-45